O Mercado Brasileiro de Casino Online pode valer bilhões

o-mercado-brasileiro-de-casino-online-pode-valer-bilioes

A América Latina tem recebido cada vez mais atenção por ser uma região com um grande potencial onde o jogo pode ser uma industria particularmente lucrativa.

A América Latina tem recebido cada vez mais atenção por ser uma região com um grande potencial onde o jogo pode ser uma industria particularmente lucrativa. São vários os países da América Latina que estão a considerar adotar regulamentos que possam abrir os seus mercados para operadoras e “developers”. Brasil é o país que parece ter finalmente reconhecido a importância e a utilidade de um mercado de jogo regulamentado.

A maior parte da população apoia a legalização dos casinos online

Segundo o recente relatório elaborado por Paraná Pesquisas e publicado pela JD1 Noticias apenas uma pequena parte da população do Brasil apoia a legalização dos casinos e bingo online.

Cerca de 45,7% dos brasileiros questionados disseram que sim e cerca de 45,5% responderam negativamente, com uma percentagem de 57,7% dos homens a apoiar a legalização. As mulheres, por outro lado, mostraram-se mais reservadas. Estes resultados foram divulgados numa altura em que os legisladores brasileiros consideram a introdução de uma ampla reforma da industria de apostas do país.

O ultimo quadro legislativo relativo à indústria do jogo, remonta à década de 40, e sob esse quadro a provisão de jogos é proibida no país, com muito poucas exceções. Desde então que os legisladores têm discutido a criação de um quadro regulatório. Ambas as câmaras do corpo legislativo, discutiram propostas legislativas para legalizar diferentes formas de jogo, incluindo jogos online e apostas desportivas dentro das fronteiras do país. O Projeto de Lei do Senado 186/2014 tem sido bastante discutida, mas precisa de ser aprovada por todas as câmaras do Congresso Nacional do Brasil para que as suas disposições entrem em vigor como Lei.

Se for assinado em lei, o projeto de lei criaria um quadro para regulamentação e tributação dos jogos de Fortuna e azar e também medidas de prevenção e combate ao branqueamento de capitais e corrupção.

Acredita-se que o Brasil possui um grande potencial que ainda não está a ser explorado. Já existem várias empresas internacionais de jogos interessadas, quer para casinos online quer os físicos, tal como a gigante Las Vegas Sands e Caesars Entertainment Corp., que revelaram estar de olho nas oportunidades de investimento e expansão no Brasil.

Brasil com 207,7 milhões de habitantes, é o maior país do continente e um dos maiores do mundo, portanto se o mercado fosse legalizado, isso significaria que um grande mercado seria aberto. Como os serviços de apostas são fornecidos principalmente de forma ilegal é difícil estimar o tamanho do mercado de forma precisa.

No entanto, segundo um estudo elaborado por KPMG sob alçada da Remote Gambling Association, estima-se que o potencial avaliado caso a industria do jogo fosse legalizado representaria $ 2.1 bilhões. O estudo estabeleceu também uma série de medidas que poderiam garantir o sucesso da legalização, incluindo a criação de um sistema de licenciamento sensível e efetivo, um regime de tributação baseado nas receitas de jogos de Fortuna e azar e regulamentos que garantiam a operação de uma forma socialmente responsável.

Um mercado que pode valer R$ 20 bilhões

De acordo com as estimativas do Instituto Brasileiro de Jogos Jurídicos (IJL), o mercado de apostas do país poderia valer R $ 20 bilhões (aproximadamente US $ 6,4 bilhões). Em termos de volume de negócios de jogos gerados anualmente, o mercado poderia ser avaliado em cerca de R $ 55 bilhões (aproximadamente US $ 17,5 bilhões).

Até ao momento, os únicos serviços de jogos legais no Brasil, são as apostas em corridas de cavalos, lotarias operadas pelo Estado e o Poker, pois são consideradas atividades cujo resultado é baseado na habilidade e não na sorte. Tem havido varias discussões sobre a legalização e regulamentação de mais opções de jogo, incluindo casinos “terrestres” e online, apostas desportivas, Bingo e o local jogo do bicho.

A ideia de uma expansão de jogo maciça no país tem ganho cada vez mais apoio entre os membros do governo brasileiro. O deputado Cesar Halum, conhecido por estar entre os legisladores que tem apoiado a legalização dos jogos, anunciou que começaria a reunir assinaturas para a criação de uma Frente Parlamentar para a legalização dos jogos no Brasil.

O deputado precisa de um total de 171 assinaturas para poder estabelecer a frente e começar a trabalhar na legalização. Segundo o Deputado Halum, uma expansão do jogo pode ajudar a melhorar o estado financeiro e também representar uma fonte de receita adicional. O Deputado também disse aos media locais que a indústria de jogo regulamentada poderia gerar mais de 5 bilhões de reais em receita fiscal por ano. Embora o valor seja exagerado, é um facto indiscutível que existe uma procura significativa por serviços de jogos e o interesse de empresas internacionais no Brasil é a prova disso.

Ainda está para ser visto quando e como o mercado será regulamentado, mas se eventualmente for regulamentado e se isso for feito de forma correta, o país pode rapidamente se tornar como a maior jurisdição regulamentada do mundo.

Avaliação dos Jogadores

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Esqueceu a sua password?

/ Registar